Canal lacrimal entupido: saiba sobre essa condição.


A maioria das pessoas não sabe, mas as lágrimas além de representarem emoções também lubrificam o olho e protegem o globo ocular de rupturas e infecções.

Elas são essenciais para a manutenção da saúde dos olhos e da visão.

O canal lacrimal entupido, condição que afeta diversos bebês recém-nascidos e normalmente não causa maiores alterações.

O que é o canal lacrimal?

O canal nasolacrimal é uma espécie de ducto que promove a drenagem do líquido lacrimal dos olhos para a porção interior do nariz. E é por isso que ao pingar uma gota de colírio nos olhos podemos ter uma sensação de gotejamento nasal e posterior gosto amargo na boca.

Dessa forma, quando uma parte do canal está obstruída, a drenagem dos olhos é extremamente prejudicada e as lágrimas se acumulam nas pálpebras, causando lacrimejamento constante.

Quais são as principais causas de obstrução do ducto lacrimal?

A maior causa de entupimento é a falha na abertura da membrana que se localiza no final do canal lacrimal (válvula de Hasner). Normalmente ela se rompe assim que o bebê chora pela primeira vez, mas, em alguns casos, se mantém íntegra mesmo após alguns meses do nascimento do recém-nascido.